Assim como a tecnologia peer-to-peer (P2P) revolucionou o compartilhamento de músicas e filmes entre pessoas na internet, o peer-to-peer lending também está fazendo o mesmo com o crédito.

Pessoas que têm um dinheiro para investir, mas não querem deixar parado rendendo pouco no banco, e pessoas que precisam de crédito para alavancarem seus negócios, mas acham as taxas bancárias muito elevadas, agora podem se conectar diretamente. Esse é o princípio da Biva, solução que usa tecnologia para conectar pessoas com vontade de investir a pessoas interessadas em fazer seus negócios crescerem de maneira saudável.

Com as operações 100% online, a Biva usa tecnologia para desburocratizar o investimento e a busca pelo crédito. O funcionamento é bastante simples: quem tem dinheiro para investir se cadastra no site e escolhe em quais empresas e projetos quer colocar seu dinheiro. Assim que o financiamento completar 100%, os valores são transferidos para o empreendedor. Quem investiu, passa a receber o rendimento mensalmente com melhores retornos, investimentos diversificados e ajudando a financiar empresas confiáveis.

Já quem busca investimento faz o pedido, que é analisado por meio de modernas ferramentas de análise de crédito, capazes de mensurar os ganhos e os possíveis riscos. Em média, em 15 dias o valor é liberado com juros mais baixos, em um processo totalmente online e sem burocracia.

Como a Biva não é uma financeira e faz apenas a intermediação entre os dois lados, o negócio é mais vantajoso tanto para quem investe, quanto para quem toma o empréstimo.

Para se ter uma ideia, após seis meses de investimento na Biva, o investidor tem um retorno 42,47% maior do que teria aplicando o mesmo valor em CDB. Em 12 meses, essa diferença salta para 44,46%, e, em 24 meses, para 48,70%. Com relação à poupança, a diferença é ainda maior: após seis meses, o retorno com a Biva é 122,66% superior. Em 12 meses, 128,5%, e, em 24 meses, seus ganhos são 141,05% maiores que com a poupança.

Já quem toma o crédito, geralmente pequenos e médios empresários que precisam de uma forcinha pra estruturarem seu negócios, não têm dificuldades para conseguir financiamentos com juros baixos, como acontece entre os bancos tradicionais.

Infográfico.Biva

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here