Como melhorar a presença digital de uma startup

0
137

Depois de ter uma grande ideia, lapidá-la, investir tempo e dinheiro, tirá-la do papel e fazê-la funcionar, é hora de mostrar para o mundo que não há mais jeito de viver sem tal produto ou serviço. Mas, como ser bem-sucedido ao mostrar a solução para quem conhece e está acostumado a conviver apenas com o problema?

 

O primeiro e decisivo passo é aumentar a presença digital da startup, a levando para onde o usuário está. Com isso, a empresa se tornará conhecida e reconhecida por seu produto/serviço inovador. Entretanto, para ter sucesso nessa etapa, algumas medidas devem ser tomadas.

 

Criação de site/blog

Ao criar uma página para sua empresa, não enfatize apenas seu produto ou serviço. Deixe o usuário saber sobre o histórico da sua empresa, os valores, a missão, a equipe envolvida, os novos projetos, entre todos os outros tópicos possíveis para que o visitante se identifique com sua startup. Dessa maneira, ele percebe seu engajamento e tende a participar mais com sua página.

 

Para ter mais sucesso nessa etapa, invista em um site/blog com design responsivo e boa navegabilidade. O acesso por meio de dispositivos móveis cresceu muito nos últimos anos e, de acordo com estudos, já ultrapassou o desktop. Então, possibilite que os usuários de smartphones e tablets te encontrem e tenham uma boa experiência em sua página.

 

Mídias Sociais

Se comunicar com seu público por meio das mídias sociais é parte importante de melhorar a presença digital de sua empresa. Selecione as mídias sociais onde seu público está (Facebook, Twitter, Instagram, Google+, Snapchat, entre outras) e divulgue seu material. Produza conteúdo especial para a mídia escolhida e, se não tiver condições de alimentá-la com produções autorais frequentemente, ao menos replique conteúdo dentro de seu campo semântico. A ideia é manter seus seguidores informados e satisfeitos.

 

Campanha paga e SEO

Quem não é visto por meio dos principais buscadores, como Google e Bing, dificilmente será lembrado. Uma parcela enorme das visitas é gerada a partir dos buscadores (cerca de 93%, conforme estudos de empresas especializadas), então melhorar sua presença digital é quase um sinônimo de estar bem ranqueado nessas páginas.

 

São duas ações possíveis e não excludentes entre si para melhorar seu posicionamento no Google: campanhas pagas e SEO. A primeira gera resultados mais rápidos, porque tem alcance imediato do público-alvo, gera tráfego rapidamente e efetivamente, leva à sua página pessoas que buscaram pelos seus termos-chave e ainda conta com a vantagem de ter um custo baixo para quem investe.

 

No caso do investimento em SEO, os resultados aparecem em médio e longo prazo, e proporcionam um bom posicionamento na busca orgânica, atraindo o usuário pela credibilidade de sua empresa, uma vez que ela esteja em evidência nos buscadores.

 

Inbound marketing

Investir nessa estratégia pede um planejamento efetivo e traz resultados muito interessantes. O conceito do inbound é atrair a persona predefinida e levá-la a um funil de vendas, no qual espera-se que ela compre seu produto ou serviço e passe a promovê-lo para novos clientes. A metodologia pede conhecimento em diversas estratégias de marketing digital, como e-mail marketing, SEO e marketing de conteúdo.

 

Growth hacking

Growth hacking é pensar fora da caixa. Então, assim como a startup parte de uma ideia inovadora, é possível divulgá-la de maneira ousada e arrojada. Com alguém atuando em monitoramento e análise de métricas, é possível identificar oportunidades para um crescimento rápido.

 

Entre muitas possibilidades, uma das maneiras de fazer o growth hacking é oferecer vantagens (conteúdo, materiais, descontos, etc) a quem fornece o e-mail de 5 amigos, por exemplo. Assim, é possível trabalhar com uma maior quantidade de leads e buscar o aumento da conversão.

 

Baixo CAC e alto LTV

Manter baixo seu CAC (custo de vendas e marketing dividido pelo número de novos clientes) é parte fundamental para qualquer estratégia. Como a visibilidade do seu negócio depende da aquisição de clientes, um índice CAC alto pode significar o fechamento de sua startup.

 

Por sua vez, o LTV (métrica que calcula o tanto que um cliente vai gastar com sua marca durante um determinado período de tempo) precisa ser superior ao CAC. Para o cálculo do LTV, é preciso determinar o tempo de assinatura de seu cliente, quantas vezes ele adquire seu produto ou contrata seu serviço e qual é o gasto médio. Logo, se a aquisição do cliente custar X, é preciso ter uma meta de LTV no mínimo de 3X para um crescimento saudável.

 

Marketing é a chave

Independentemente de internalizar o processo ou de contratar uma agência, o principal desafio de quem estiver à frente de uma campanha para melhorar a presença digital de uma marca é ter o conhecimento das técnicas de marketing adequadas para cada tipo de empresa e saber como colocá-las em prática. A partir daí, a marca terá condições de alcançar os clientes e atingir uma linha de crescimento.

 

 

Texto por Agência Linka

A Agência Linka é parceira em campanhas de marketing digital. Desde 2007, transforma dados analíticos em grandes resultados para os clientes por meio de estratégias e otimização em Mídia Programática, Links Patrocinados, SEO, Inbound Marketing, entre tantas outras possibilidades do universo da mídia on-line. Em seu portfólio constam marcas como o Bing, o Boston Medical Group, a Valid, a Hertz e e-commerces como a PróSpin e a BawClothing.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here